Pular para o conteúdo

27/07/2022

Newsletter Sindilat_RS

Porto Alegre, 27 de julho de 2022                                                           Ano 16 - N° 3.711


Seminário debaterá o setor lácteo do ponto de vista da produção em Carlos Gomes (RS)
 
Com o intuito de debater o cenário do setor lácteo do ponto de vista da produção e buscar alternativas para aumentar a rentabilidade dos produtores, a Unibom Laticínios, associada do Sindicato da Indústria de Laticínios do RS (Sindilat), promoverá o Seminário Microrregional de Bovinocultura de Leite no dia 10 de agosto. Com todas as 250 vagas disponibilizadas já preenchidas, o evento será realizado no Ginásio do Cras, em Carlos Gomes (RS), a partir das 9h. O encontro conta, ainda, com promoção da Emater e da prefeitura do município. 
 
Segundo Ideno Paulo Pietrobelli, gerente de Política Leiteira da Unibom, o objetivo é também apresentar aos produtores opções para melhorar o trabalhado voltado à nutrição e ao bem-estar animal, além das instalações e do manejo do rebanho em períodos críticos do ano, especialmente no verão. “Como é uma região de pequenas propriedades, nós vamos focar a discussão na parte da manhã em estratégias para melhorar resultados e viabilizar a atividade leiteira em pequenos estabelecimentos rurais, que têm um limite de terra e de animais”, acrescenta.   
 
O evento terá início às 9h com café a base de produtos coloniais e derivados do leite. A primeira palestra será às 10h com o médico veterinário Ricardo Xavier da Rocha que falará sobre bem-estar animal. Ainda durante a manhã Vilmar Fruscalso, engenheiro agrônomo da Emater, discorrerá sobre a viabilidade do leite na pequena propriedade. 
 
A parte da tarde será dedicada à visita à propriedade de Gervásio Ostroski, onde será apresentado o trabalho realizado pela família na produção de leite. Irão comandar as estações o médico veterinário Ricardo Xavier da Rocha, o nutricionista da Unibom Marcos Griss, Vilmar Fruscalso, da Emater, e o engenheiro agrônomo da Embrapa Marcelo Klain. (Assessoria de Imprensa Sindilat)


Sindilat debate papel da pecuária leiteira na redução das emissões 
 
O setor lácteo pode ser uma importante ferramenta para intensificar a produção das propriedades rurais e garantir sistemas sequestradores de carbono. A proposta é utilizar áreas de pousio para plantio de pastagens consorciadas com culturas de verão e inverno. A tendência foi apresentada pelo Chefe-Geral da Embrapa Trigo, Jorge Lemainski, durante reunião mensal de associados do Sindilat realizada nesta terça-feira (26/07). Segundo o especialista, a expectativa é aumentar a rentabilidade da atividade agropecuária por hectare e estabelecer sistemas que sejam mais sequestradores de carbono do que emissores. O uso de pastagens de inverno é o diferencial para assegurar comida de qualidade ao gado e melhorar as condições do solo. 
 
Conduzindo a reunião, o secretário-executivo do Sindilat, Darlan Palharini, reforçou a importância de elevar a eficiência do sistema produtivo e, com isso, garantir um aumento de leite produzido por vaca. “Os grãos de inverno podem ser essenciais para produzir matéria orgânica de qualidade e otimizar a alimentação do gado ao longo do ano”, salientou. Lemainski apresentou diferentes exemplos de ganho nesse sentido, como a produção de uma nova variedade de cevada ultraprecoce semeada em março, e que tem potencial para gerar 4.900 quilos de matéria seca e de 7.840 kg/ha de produção de leite. 
 
Durante a reunião de associados, ainda tratou-se de questões tributárias ligadas ao Fator de Ajuste de Fruição (FAF). (Assessoria de Imprensa Sindilat)


Interleite Brasil 2022: FALTA UMA SEMANA!
 
A espera está acabando! Falta uma semana para a volta do melhor e maior evento da pecuária leiteira do Brasil. Nos dias 03 04 de agosto, em Goiânia, e também online, com os apoios do Sistema Faeg/Senar – GO, do Sebrae-GO e demais parceiros, a 20ª edição do Interleite Brasil chega para fazer história!

Com 24 palestras, distribuídas ao longo de 5 painéis temáticas, discutiremos as pautas mais relevantes do leite brasileiro. Afinal, o que nos trouxe até aqui é o que continuará nos levando adiante?

Confira os temas de cada painel:
Painel 1 – Coordenação da cadeia de laticínios no Brasil (03/08)
Painel 2 – Sistemas de produção e rentabilidade (03/08)
Painel 3 – Fazendo a tecnologia funcionar – a gestão no centro do negócio leiteiro (04/08)
Painel 4 – A agenda ambiental: oportunidades e desafios (04/08)
Painel 5 – Olhando para o futuro (04/08)
 
02 de agosto, também em Goiânia,  contaremos com mais três eventos exclusivos:  13ª edição do Fórum MilkPoint Mercado, Jantar dos Top 100 e workshop exclusivo da AgroCeres Multimix sobre estratégias, manejo e ferramentas nutricionais com impacto no período pós-parto, ministrado pelo Prof. Felipe Cardoso e por Gilson Dias. 
 
Já somos mais de 1000 inscritos no Interleite Brasil 2022 e você não pode ficar de fora! Clique aqui, veja a programação e faça a sua inscrição? Vem com a gente, faça parte do melhor evento do leite nacional! Em Goiânia ou de onde você estiver, estamos te esperando para viver essa experiência!
 
Para mais informações ou compra de pacotes de ingresso com desconto: (19) 99247-5347 ou thais@agripoint.com.br. 
 
O Interleite Brasil, idealizado pelo MilkPoint. Acesse o site, confira a programação completa e se inscreva. Associados do Sindilat/RS tem 20% de desconto. (Milkpoint)


Jogo Rápido 

Governo envia projeto que abre crédito suplementar de R$ 2,5 milhões para a Agricultura
O governo federal encaminhou ao Congresso Nacional projeto de lei que abre crédito suplementar para apoio ao pequeno e médio produtor agropecuário, segundo informou a Secretaria Geral da Presidência da República. O crédito de R$ 2,5 milhões, se aprovado pelos parlamentares, será aberto em favor do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para viabilizar despesas com apoio/fomento a esses produtores. A Secretaria Geral esclareceu, em nota, que a abertura do crédito suplementar não afeta o teto de gastos nem o cumprimento da meta de resultado primário, pois trata-se de remanejamento entre despesas primárias discricionárias, sem alterar o montante dessas para o corrente exercício.
Publicação do projeto sobre crédito suplementar
A mensagem de envio do projeto de lei ao Congresso Nacional foi publicada na edição desta quarta-feira (27) do Diário Oficial da União (DOU). O despacho foi assinado pelo presidente Jair Bolsonaro. “Abre ao Orçamento Fiscal da União, em favor do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, crédito suplementar no valor de R$ 2.500.000,00, para reforço de dotação constante da Lei Orçamentária vigente”, escreve Bolsonaro na mensagem publicada no DOU. (Canal Rural)


 
 
 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.