Pular para o conteúdo

Entidades debatem sobre a inspeção de produtos lácteos na Fenasul

Nesta quinta-feira (16/05), entidades reúnem-se para debater sobre a inspeção de produtos lácteos na Fenasul. O encontro, promovido pelo Sindicato dos Médicos Veterinários no Estado do Rio Grande do Sul (Simvet), acontece às 11h, no auditório do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS). A reunião tem o objetivo de discutir com a cadeia produtiva do leite a adequação às Instruções Normativas (INs) 76 e 77, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que alteram a forma de produção, coleta e armazenagem do leite cru.

O debate terá a participação de representantes do Sindicato das Indústrias de Laticínios do Rio Grande do Sul (Sindilat), Ministério da Agricultura, Secretaria da Agricultura do Rio Grande do Sul, Associação dos Criadores de Gado Holandês do RS (Gadolando) e Associação das Pequenas Indústrias de Laticínios do Rio Grande do Sul (Apil/RS).

De acordo com a presidente do Simvet/RS, Angélica Zollin, as INs 76 e 77, que passam a vigorar a partir de 30 de maio, servem para aperfeiçoar a qualidade do leite gaúcho. "O evento visa esclarecer dúvidas de produtores e de veterinários que trabalham com leite para que sigam as novas orientações corretamente".

Segundo o secretário-executivo do Sindilat, Darlan Palharini, o encontro na Fenasul é mais uma oportunidade para debater a adequação às normas, visto que o prazo para a implementação está se aproximando. Para a médica veterinária da Secretaria da Agricultura Karla Pivato, a reunião proporciona, além do debate, a proximidade entre o poder público, entidades e produtores do setor. "Depois de participar das reuniões sobre as normativas do leite, as pessoas conseguem desmistificar o tema e enxergar que as mudanças não são inatingíveis", afirma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *