Pular para o conteúdo

12/06/2015


 

Porto Alegre, 12 de junho de 2015                                                 Ano 9 - N° 2.059

 

 Importações de leite em pó integral da China foram as menores desde 2012
 
Embora os preços de commodities como queijos e manteiga nos Estados Unidos continuem se fortalecendo, os mercados globais continuam com os menores valores em seis anos, de acordo com os últimos dados do Conselho de Exportações de Lácteos do país (USDEC). O principal responsável por isso é a China.

As importações de lácteos da China caíram em quase 40% nos primeiros quatro meses do ano - o equivalente a 562.000 toneladas de leite a menos por mês. Em outras palavras, isso é o mesmo que se a produção de leite dos cinco principais exportadores (UE-28, Estados Unidos, Nova Zelândia, Austrália e Argentina) aumentasse em 2,4% nesse ano.

 

A maioria do decréscimo diz respeito a um grande corte nas importações de leite em pó integral, que caíram em 53% com relação ao ano anterior. As compras desse ano foram as menores desde 2012.

Em contraste, as importações chinesas de leite fluido e creme de leite aumentaram em 27% nos primeiros quatro meses do ano e as importações de fórmulas infantis aumentaram em 18%. (USDEC)

 
 
 
 
Fórum discute de onde virão os alimentos
Depois do sucesso do ciclo de debates 'De Onde Virão os Terneiros?', o Sistema Farsul dá início a uma discussão mais ampla: 'De Onde Virão os Alimentos? ¬ O Desafio do Futuro'. 
Esse é o tema da 66ª edição do Fórum Permanente do Agronegócio, uma iniciativa da Farsul, Senar¬/RS e Casa Rural ¬ Centro do Agronegócio. O evento está marcado para os dias 17 e 18 de junho, no hotel Gramado Master Palace, na Serra Gaúcha. 
As inscrições já podem ser feitas pelo site www.casaruralrs.com.br ou pelo telefone 51.3221-6460. A ideia é reunir representantes de empresas que desenvolvem tecnologia, produtores rurais, e entidades para debater técnicas de produção e segurança alimentar. Segundo projeções da FAO, organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, para alimentar um mundo com 9 bilhões de habitantes, projetados para 2050, a produção de alimentos deve aumentar 40% em 25 anos. 
" Precisamos agora debater o futuro da produção de alimentos, produzindo cada vez mais, e com maior segurança ao consumidor final.", explica o chefe da Divisão Técnica do Senar¬/RS, João Augusto Telles. Nos últimos 30 anos, a produtividade da lavoura de grãos brasileira aumentou 141%, passando de 1.465 quilos por hectare, na safra 1984/1985, para 3.535 quilos por hectare na 2014/2015, de acordo com a Conab. 
No Rio Grande do Sul, também mais do que dobrou, passando de 1.792 para 3.793 quilos por hectare no mesmo período. A expectativa é receber cerca de 400 produtores no evento de Gramado. Entre os palestrantes, estão o ex-ministro da Agricultura e presidente da Abramilho, Alysson Paolinelli. (Farsul)

 
 
Piracanjuba comemora 60 anos em grande estilo
 
A Piracanjuba recebe, no dia 15 de junho, parceiros, colaboradores, clientes, autoridades e imprensa para a comemoração dos 60 anos da marca. O jantar, para mais de 500 convidados, acontecerá no Infinity Hall, em Goiânia (GO), a partir das 19h30. "Uma data tão importante precisa ser comemorada com as pessoas que nos ajudam, diariamente, a construir a bela história da Piracanjuba. Hoje, estamos entre as 20 marcas mais presentes nos lares de todo o país e muito nos orgulha completar 60 anos em um momento de pleno crescimento", afirma a gerente de marketing da Piracanjuba, Lisiane Guimarães.

Casa Lis assina o buffet do jantar e a decoração ficará a cargo da Vero Festas e da Realizza Eventos. A Lozi Eventos responde pelo cerimonial e a trilha sonora do evento será comandada pelo Quarteto de Jazz da Orquestra Obra Prima.
 
Palestra com Carlos Sardenberg
Na tarde do dia 15 de junho, antes do jantar, a Piracanjuba promoverá uma palestra com o renomado jornalista, escritor e apresentador, Carlos Alberto Sardenberg. O evento será fechado para convidados e acontecerá no auditório do Hotel K, em Goiânia.
 
Eventos institucionais
Para os colaboradores internos, a Piracanjuba preparou eventos em suas três unidades fabris: Bela Vista (GO), Maravilha (SC) e Governador Valadares (MG). "Somos uma grande família e trabalhamos juntos, com o objetivo maior de desenvolver produtos e serviços que proporcionem qualidade de vida e bem-estar aos consumidores", finaliza Lisiane. (Terra Viva)

 
 

Audiência pública debate leite em Ijuí
A Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado marcou uma audiência pública para discutir os "Mercados e Perspectivas para o Futuro da Produção Leiteira no Brasil" no dia 10 de julho, em Ijuí. A cidade do Noroeste foi escolhida para sediar o encontro por estar em meio à região que é considerada o principal polo produtor de leite do Estado. Serão convidados representantes do setor, do governo, senadores, deputados, especialistas na área e produtores. A audiência começa às 14h, no auditório do campus da Unijuí.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *