Pular para o conteúdo

Vento de preocupação

O vento forte registrado no Interior trouxe estragos pontuais à produção gaúcha. Em Porto Lucena, houve problemas de acamamento em algumas lavouras. O agricultor Maiki Santimon, 22 anos, enviou imagem (abaixo) de como ficou uma área de cerca de cinco hectares da propriedade no município, onde cultiva milho para silagem.  Também houve casas destelhadas e uma plantação de verduras destruída – relata Maiki, em relação à situação em Porto Lucena.  Estragos que, no entanto, foram localizados em algumas regiões, segundo Cláudio de Jesus, presidente da Associação dos Produtores de Milho do Estado (Apromilho-RS).  A colheita do grão no Rio Grande do Sul, que deve somar 5,1 milhões de toneladas, segundo estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento, já começou. Deve ganhar maior intensidade a partir do dia 16, quando será realizada a cerimônia oficial de abertura, em Horizontina. (Zero Hora) 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *