Pular para o conteúdo

Consumo de leite no país cresce 25% em um pouco mais de meia década

crianças e leiteIndústria láctea tenta acompanhar a evolução de um mercado que se diversifica muito rapidamente Atualmente, o Brasil é um país que consome mais leite do que consegue produzir. Em pouco mais de meia década, o consumo no país cresceu 25%, passando de 142 litros/ano por habitante em 2008 para 178 litros/ano por ano em 2014. Para as empresas que querem aproveitar este mercado em crescimento, é importante acompanhar as mudanças de comportamento do consumidor, elaborando, a partir daí, suas estratégias e medidas para manutenção da competitividade.  O contexto favorável ao mercado lácteo envolve diversos fatores, apontados no relatório do Sistema de Inteligência Setorial do Sebrae - Consumidor de produtos lácteos - características e comportamento. Entre eles, o aumento populacional e de renda per capita, a grande demanda da classe C e a segmentação do setor - com produtos de melhor qualidade e mais diversificados, voltados para diferentes públicos, como idosos, crianças, esportistas e outros.  Esse documento apresenta algumas tendências de mercado e indica como planejar e traçar estratégias para aproveitar oportunidades e maximizar resultados. O mercado de lácteos possui diferentes nichos que precisam ser atendidos.

Veja alguns: Crianças: Sabor e diversão é o que elas procuram, mas o produto precisa ganhar a confiança dos pais, que buscam alimentos nutritivos para o desenvolvimento de seus filhos. O sabor dos produtos é fator de escolha para 86% dos consumidores.  Lácteos energéticos: Voltados para praticantes de atividades físicas e mentais, preocupados com produtos saudáveis e que tenham valor agregado. Um produto assim deve conter pouca gordura e calorias, sendo prático para o consumo.  Produtos fitness: Pessoas preocupadas em viver mais e melhor, que buscam equilíbrio adotando hábitos saudáveis e conciliando exercícios físicos com alimentação.  Renovação e segmentação dos produtos: Desenvolvimento de produtos lácteos direcionados às necessidades dos consumidores. É necessário realizar pesquisas sobre diferentes perfis de consumidor, segmentando por idade, gênero, estilo de vida, entre outros. Um exemplo são os intolerantes à lactose. Acompanhe as ações recomendadas pelo SIS do Sebrae às empresas interessadas em explorar as oportunidades do setor: - Busque profissionais para desenvolver produtos lácteos diferenciados; - Realize pesquisas de mercado para conhecer as necessidades dos consumidores; - Trace estratégias de comunicação para educar o consumidor sobre os benefícios dos produtos lácteos; - Busque um designer para desenvolver embalagens atraentes, eficientes e educativas; - Confira relatórios sobre o mercado de produtos lácteos, como o iogurte, leite funcional, leite com baixo teor de lactose, leite aromatizado e outros no site do Sistema de Inteligência Setorial, do Sebrae-SC, e conheça as oportunidades relacionadas a esses produtos. (Bom dia SC) 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *